Friday, November 23, 2001


Depois de todas as ideologias disponíveis temos que entrar em algo diferente. Ô que deverá ser.

SOLUÇÕES PARA O DESEMPREGO

Estamos passando por um momento delicado. Em toda nossa história não tinhamos enfrentados tantos problemas como os atuais. O prefeito João Fadel está com apenas 11 meses de governo e suas medidas ainda não são as responsáveis pela atual situação.

O desemprego em Itararé está batendo récorde, por sermos uma cidade de muitos aposentados, com salário mínimo, temos também muitos jovens desempregados sobrevivendo a custas de pensões e dos avos.
Este caso, traz outro problema, aumenta ainda mais a violência. Muitos jovens, sem oportunidade de trabalho e sem condições de fazerem cursos superiores ou técnicos, passam a viver abaixo da sobrevivência, subsidiados por alguns parentes e aí sem saídas, partem para as drogas e daí um pulinho para a criminalidade.

Nossa cidade convive com esse grave problema, uma avó chega a sustentar a filha, um genro e vários netos adolescentes com a sua aposentadoria. Isto também ocorre em todos os outros locais, mas em menor escala.
Com a criação de empregos em nossa cidade, estaríamos resolvendo de vez vários problemas.

A atual admionistração inicia um grande projeto no desenvolvimento dos esportes em nossa cidade, uma medida que começa a ajudar o combate às drogas. Mas um grande projeto para a criação de empregos é fundamental.

Dias atrás o prefeito falou pelas rádios que não traria indústrias já, porque nosso trabalhador ainda não é especializado. Então a primeira medida é trazer urgentemente cursos técnicos e profissionalizantes.

Assim a população tendo condições e técnica para exercer funções específicas, as sonhadas indústrias instalariam-se em nossa cidade.
EStá chegando o final de um ano e está na hora de o prefeito apresentar algo de novo e que traga esperanças ao nosso eleitor que confiou massissamente na sua candidatura.

O povão votou, agora basta o prefeito cumprir com as promessas. Cursos técnicos e profissionalizantes tem de ser a prioridade número um. Depois poderiam vir as prometidas indústrias.
PAULO MARINHO. WWW.ITATUDO.COM.BR
Na próxima quarta feira comentaremos sobre o emprego na agricultura.

é isso daí minha gente:
REalmente temos muitos desempregados dormindo de dia e saindo a noite para outras coisas.
Muitas vovós sustentam "homens formados" em suas casas e não apenas netos
Promessa é dívida prefeito.
antes das eleições você já sabia que o povo não tinha técnica para trabalhar nas indústrias, porque não falou isto antes das eleições. Enganou você mesmo ou enganou o eleitor.
teremos ou não os cursos técnicos e profissionalisantes?

Sunday, November 18, 2001


ITARARÉ E REGIÃO PRECISAM ELEGER UM DEPUTADO.

O programa Boca no Trombone, que é lider de audiência na região, inicia hoje uma campanha para que Itararé e a região agrícola, elejam um deputado nas próximas eleições.
Não apenas Itararé está sofrendo a tanto tempo com a falta de representatividade a nível estadual. Toda nossa região agrícola, que compreende Itaberá, Riversul, Itaporanga, Barão de Antonina, Itaí, Coronel Macedo e outras sofrem com quase tudo centralizado em Itapeva.

Nossas estradas estão intransitáveis há vários anos. Os itaberabenses, itaporanguenses, riversulenses e outros sabem bem e sofrem na pele e nas estradas. Os carros estão se acabando e nas estradas boas os pedágios estão chegando.

Tudo que fecha em Itararé vai para Itapeva e no próximo ano poderemos ficar sem a Delegacia de Ensino, que passará a ser centralizada em Itapeva.
Os eleitores da região agrícola terão que se unir e escolher o candidato que possua as melhores chances de vitória. Não podemos esperar mais. Caso contrário nossa região decairá ainda mais.

O programa Boca no Trombone irá unir todas essas cidades e todas as semanas irá trazer autoridades e cabos eleitorais para falarem para toda a região.
Este programa sempre pediu em favor dos mais necessitados. Agora fará uma campanha entre todos os eleitores, inclusive os mais humildes, para que tenham a consciência do poder do voto.
O eleitor não pode mais jogar fora seu voto, votando em pessoas de outros locais. Em para-quedistas que só aparecem em épocas de eleições ou que compram o seu voto a troco de uma dentadura, mas te deixa quatro anos sem ter o que comer.

Vamos juntos com todos os ouvintes para esta cruzada rumo a defesa de nossos interesses. Vamos todos unidos pelo mais forte candidato a deputado da região. Não vamos mais votar em politiqueiros e aproveitadores. Não podemos mais continuar perdendo votos.

programa metendo a boca no trombone.

VÁRIOS CANDIDATOS

Em Itararé já surgiram vários nomes: Mané Carneiro filho de Nehir Carneiro, já se lançou há alguns meses está tentando montar um grupo que dê sustentação. Conta com o apoio de Hélinho trigo.

Já ouvimos falar da intenção do funcionário da educação, que veio de Riversul, Dimas Novaes que poderia ser candidato pelo PPS, estamos esperando algum matéria ou presença do possível candidato a deputado Dimas.

Nesta última semana, pelo jornal O Guarani, o assessor do deputado federal Sampaio Dória, Guilherme Gorscki lançou sua pré-candidatura a deputado estadual. Já conseguiu telefones para nossa zona rural e verbas para a saúde. Foi um dos responsáveis pela campanha vitoriosa de João Fadel.

Também o empresário do ramo de cereais José Eduardo Ferreira, mas conhecido como Zé Eduardo, foi o primeiro de nossa cidade a colocar o nome a disposição para ser nosso representante. Zé Eduardo conta com o apoio de vários prefeitos e grandes políticos e empresários da região. Hoje realmente seu nome é o mais forte em várias cidades agrícolas. Zé Eduardo está despontando, junto com os outros demais candidatos Dimas, Mané e Guilherme.

A população terá que saber quem tem as melhores chances e assim escolher o candidato que realmente tenha condições de ganhar. Se não elegermos um deputado, todos nós sairemos perdendo. Toda a região continuará a decair ainda mais. Chega de perder.

Jota Batista